Quanto cobrar por um passeio virtual??

Quer divulgar seu trabalho, discutir sobre o mercado, formação de preços, fornecedores? Esse é o lugar pra isso.
IgorRosa
Mensagens: 9
Registrado em: 01 Mar 2013, 16:48

Quanto cobrar por um passeio virtual??

Mensagem por IgorRosa » 23 Jul 2013, 17:57

Quanto cobrar por um passeio virtual com o cliente me dando as fotos??

Avatar do usuário
epassarin
Mensagens: 89
Registrado em: 21 Ago 2012, 18:46
Localização: Piracicaba / SP
Contato:

Re: Quanto cobrar por um passeio virtual??

Mensagem por epassarin » 07 Ago 2013, 09:17

Bom dia Igor.

Depende da regiao que voce se encontra e do grau de dificuldade que voce vai encontrar em fazer as panoramicas.
Geralmente cobro por hora trabalhada em todos os eventos e trabalhos em minha cidade, se houver deslocamento eu cobro separadamente e a finalização ou produto final passo o preço a parte como um produto personalizado.
Total de horas x Valor cobrado + deslocamento quando acima de um raio de 30km + produto (álbum, panorˆmicas finalizada, arte final, etc)
Em media varia de R$ 1.000,00 (uma panorâmica) a R$ 4.500,00 (depende do que se cliente vai querer, do trabalho que irá ter e o tempo que irá dispor pra montar sua panorâmicas), mas isso é apenas uma base, por que imagina que voce pega pra fotografar uma rede de hoteis ou um empreendimento numa construtora e o cara quer que você faça fotos de 3 novos empreendimentos e no total voce irá fazer 30 panorâmicas, nesse caso terá que fazer um orçamento pro cara, por isso essa coisa de valores é um bocado complicado de ficar passando.
Os valores que passei acima são apenas base, mas cada um tem sua forma de trabalho e de cobrança.
É isso ai...
VISO PHOTO by emerson passarin
www.visophoto.com.br
epphotographer@gmail.com

Avatar do usuário
cartola
Site Admin
Mensagens: 1212
Registrado em: 11 Mai 2012, 12:40
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Quanto cobrar por um passeio virtual??

Mensagem por cartola » 08 Ago 2013, 20:00

Pois é, também penso em geral em calcular valores em termos do esforço necessário. Acho que em outro tópico aqui já falei mais sobre isso, mas em resumo deve variar por região e por quanto o profissional pretende cobrar também. Cada um pode ter um preço diferente, talvez pelas qualificações que considera ter, por quanto vale seu tempo e tal. Isso tudo misturado com o quanto o cliente pode pagar pode fazer até o preço mudar para um mesmo trabalho feito pra clientes diferentes.

Achei até caro R$ 1000,00 por uma panorâmica, mas em outros tempos acharia razoável. Quando eu levava 10 horas pra fazer uma pensava nesse valor, mas hoje em umas duas horas acho que finalizo uma panorâmica qualquer, incluindo publicação, a não ser que tenha que ter muita correção, tenha movimento, etc. Isso me faz lembrar que o tipo de cena pode encarecer. Uma coisa é uma panorâmica de um imóvel vazio. Outra é de um evento cheio de gente. Nessa teremos que editar e cortar pra evitar erros e cabeças cortadas.

Já vi gente cobrando 200,00 por uma panorâmica, mas um valor mais razoável me parece variar entre 600 e 1200.

Abraços, Cartola.

Avatar do usuário
Anchieta
Mensagens: 14
Registrado em: 17 Jul 2013, 01:05
Localização: Natal - RN

Re: Quanto cobrar por um passeio virtual??

Mensagem por Anchieta » 29 Ago 2013, 13:10

As horas trabalhadas realmente servem como referência pra montar o preço final. Também concordo que se defina um valor mínimo e depois, dependendo da complexidade, somam-se as horas e fecha-se o orçamento.

Avatar do usuário
cartola
Site Admin
Mensagens: 1212
Registrado em: 11 Mai 2012, 12:40
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Quanto cobrar por um passeio virtual??

Mensagem por cartola » 29 Ago 2013, 15:46

Achei que já tinha estendido mais o assunto, mas devo ter me confundido, então vou estender a coisa do "preço por cliente". Não estou muito no mercado fotográfico, mas já tive uma empresa de TI e formulei preços, fiz ações comerciais e vi muita coisa. O que se vê as vezes no mercado, principalmente na prestação de serviços, é que muitas empresas fazem o preço em função do cliente. Há até alguma lógica nisso as vezes. O cliente pode definir, por exemplo, o nível de exigência que você terá e isso implicará em mais trabalho. Um cliente pode significar mais ou menos responsabilidade também. Imagine fazer um serviço para um pequeno comercio, que tem apenas uma loja e fazer O MESMO SERVIÇO para as Olimpíadas. O nível de responsabilidade, qualidade, número de pessoas com quem vai interagir, cobranças e até a exigência de datas limites vai ser completamente diferente. Provavelmente o pequeno comércio pode lidar com um atraso na entrega, mas imagine entregar um serviço pras Olimpíadas depois que ela terminar? Já era. Eu provavelmente faria preços diferentes nessas duas situações, mesmo para um "mesmo serviço". É que no final das contas o serviço vai só parecer o mesmo, mas tenho certeza de que será mais trabalhoso, e portanto mais caro, o serviço prestado no segundo caso.

A região também muda: há outros concorrentes na minha região? Qual o poder aquisitivo dos clientes? Qual o custo de vida ali? Provavelmente conseguirei vender no RJ/SP por um preço maior que numa cidade do interior. Até por que pode ser que consiga clientes maiores em grandes centros, que podem pagar mais e que também vão tirar mais vantagem do produto. Se numa grande capital a foto vai atingir X clientes potenciais numa grande capital, talvez no interior só atinja 1/10 desse número de pessoas e isso muda o valor daquilo pro cliente.

Tem também a definição de valor do seu produto e serviço, como você quer se posicionar no mercado. Já fez sua análise SWOT? :) Vai querer vender muito por pouco ou vender pouco por muito? As duas coisas são possíveis. Vai querer ser C&A ou Das Lu? Pra conseguir o primeiro provavelmente não vai conseguir dar muita qualidade em cada trabalho e pra conseguir o segundo vai ter que fazer algo diferenciado, que seja só em marketing.

É uma discussão que pode se estender muito. Tentando botar o pé no chão, já vi gente cobrando 200,00 a 4.500 por uma única panorâmica. Essa variação pode ser explicada, talvez, por um desses trocentos motivos... e provavelmente mais alguns não mencionados :)

E eu achava que não tinha mais nada pra dizer a respeito ;) mas também acho que apenas estendi mais um pouco o que já tinha sido dito.

Abs, Cartola.

Responder